O neurologista Dr André Felicio fala neste artigo sobre os riscos de um trauma crânio-encefálico, por exemplo, concussões, muito comuns em esportes de impacto como futebol. Discute-se também sobre como poderíamos avançar em uma regulamentação que, ao invés de idolatrar jogadores que retornam em campo após uma concussão, protegesse os mesmos.

Link da Matéria

http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2014/08/05/raca-neurologistas-veem-perigo-em-nocautes-como-o-de-alvaro-pereira.htm