Neste artigo o Dr Andre Felicio comenta sobre os avanços relacionados à doença de Parkinson. Ele comenta que muito se avançou nestes 200 anos, mas certamente a síntese da levodopa foi a maior revolução no tratamento desta doença até aqui. De lá para cá, comenta o Dr Andre Felicio, descobrimos que a doença de Parkinson vai muito além de “tremor” nas mãos, destacando-se os chamados “sintomas não-motores” como alterações do sono e intestino; descobrimos mais de uma dezena de genes implicados na doença, descobrimos outras medicações como agonistas dopaminérgicos, e a cirurgia para Parkinson, com implante de eletrodos no cérebro, tornou-se segura e muito eficaz para pacientes selecionados. Claro que muito ainda está por vir. Em breve, por exemplo, cita o Dr Andre Felicio, teremos uma formulação de levodopa na forma de spray nasal.

Link da Matéria: http://www.minhavida.com.br/saude/materias/30781-parkinson-200-anos-em-200-palavras