O neurologista Dr André Felicio fala nesta matéria sobre a Guillain-Barre, o número de casos elevado em nosso país, assim como sua relação com o vírus Zika, que se tornou um problema de saúde pública, levando crianças e adultos a ficarem com déficits neurológicos muitas vezes irreversíveis.